Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



poster

 

Há cartazes e cartazes, cada um e eventualmente, com o seu objectivo muito específico. Hoje, a ideia é dar algumas dicas para a construção de posters e cartazes de concertos. Ainda que o foco seja o digital, a verdade é que a maior parte destas dicas aplica-se igualmente aos cartazes de papel que todos os dias são colados por essas paredes fora. Umas mais importantes que outras, umas mais discutíveis do que outras, junto seguem 20 dicas aplicáveis à construção de cartazes digitais para promoção de concertos ou eventos:

 

design deve ser apelativo e enquadrado na imagem da banda;

 

Evite elementos gráficos em excesso, dá uma ideia de confusão e desorganização;

 

A informação deve ser simples e directa, sem floreados;

 

Insira informação complementar se esta for realmente importante. Ex: Apresentação do novo álbum;

 

O texto deve ser legível. Evite tipos de letra de difícil leitura;

 

Crie uma imagem com uma resolução suficiente; de 72 a 100 dpi para web; 300 dpi para impressão;

 

No seguimento da anterior, crie cartazes com uma dimensão (largura e altura) considerável;

 

Em termos de formato, prefira sempre o formato vertical. É maior a probabilidade de ocupar mais espaço online;

 

Se utilizar no cartaz imagens de outros, tenha a certeza de que não está a violar os direitos de autor;

 

Claro, evite a todo o custo os erros de ortografia e gramática;

 

Se existente, não esquecer de incluir informação sobre a promotora do evento (referência e contactos);

 

Se existirem patrocinadores, apoios ou media partners, estes devem ser referidos em rodapé utilizando o respectivo logótipo;

 

Não esquecer de colocar a hora de início do espectáculo. Sim, às vezes acontece;

 

Em vez de utilizar 00h00 ou 24h00 do dia X, utilize uma solução do tipo 23h59. Desta forma, não ficam dúvidas sobre se será no início ou no fim do dia X;

 

Para além do local do espectáculo, deve existir pelo menos uma referência à localidade;

 

Se é um local de difícil acesso, disponibilize a morada, uma dica ou um ponto de referência de como lá chegar;

 

Refira o preço do bilhete ou se é de entrada gratuita. Se o bilhete dá direito à bejeca da ordem, melhor, refira-o;

 

Insira informação sobre a bilheteira ou a forma de adquirir os bilhetes. Havendo espaço, inclua mesmo o nº de telefone;

 

Telefone ou e-mail, pelo menos um contacto da organização deve ser disponibilizado;

 

Para mais informação, disponibilize igualmente o link para o website da banda ou do evento.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:46





Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Receba as novidades por e-mail






Comentários recentes



Mensagens


Web Analytics